Clipes com animação

26/02/2010 • Escrito por Alexandre Ferrer

Clipes

Para encerrar a sexta, uma seleção de clipes que utilizam animação.

The Beatles – Yellow Submarine
Neste clipe podemos ver um tipo de animação muito característica dos anos 70, com muitas cores e traços mais psicodélicos e arredondados. Reparem que neste tipo de animação há pouca utilização de sombra.

The Beatles – Lucy in the Sky with Diamonds
Mais uma obra prima dos Beaatles em seu clipe mais psicodélico. Há uma mistura de traços mais definidos, como podemos ver nas imagens das cabeças que aparecem no início do clipe, com os desenhos de dentro das cabeça que utilizam traços mais livres de perfeição. É a mistura do real com o lúdico.

Pearl Jam – Do The Evolution
A música já é muito boa e para complementar, foi criado um belo clipe em desenho animado produzido por Todd McFarlane, o criador do personagem de revista em quadrinhos Spaw.

Justice – D.A.N.C.E
Um bom exemplo de mistura do real com ilustração vetorial moderna, com referências dos anos 70, 80 e 90. Uma mistura de traços simples com tipografia, estampados em camisetas que interagem com os personagens. As ilustrações vão sendo trocadas conforme a letra e o rítimo da música.

Gorillaz – Clint Eastwood
Clipe que mostra bem os novos traços utilizados por desenhistas do final dos anos 90. Há muita utilização de sombras nas cores chapadas, para dar um melhor efeito de luz, principalmente quando são utilizadas as sobras chamadas de duras (sombras pretas). Esse é um tipo de desenho que não há proporção dos objetos como braços e pernas gigantes. Os ilustradores misturam desenhos com contorno em preto com desenhos sem contorno.

A-Ha – Take On Me
Um clássico dos anos 80 que utiliza a interação de atores reais com animação. Este clipe, utiliza animações feitas apenas com lápis grafite, muito comuns nos primórdios das revistas em quadrinhos. Os estilos de traços são desprovidos de uniformidade e de junção, que refletem muito as ilustrações realizadas no começos da década. Para as sombras, são utilizados traços incompletos e efeitos esfumaçados, feitos com os dedos da mão ao raspar a folha, muito típico de desenhos que utilizam o lápis grafite.

Fatboy Slim – Right Here, Right Now
Um clipe muito interessante, que utiliza objetos e cenários criados em 3D com atores reais. Para compor a imagem dos atores com o fundo, foi utilizada a técnica do cromaqui. O que chama a atenção são as transições das eras.

Leave a Reply